Seminário virtual AirCovid debate a retomada da indústria da aviação

Na manhã de terça-feira (28), um seminário através de videoconferência reuniu representantes da ANAC, DECEA, Secretaria Nacional de Aviação Civil e representantes de diversos segmentos do transporte aéreo para debater os impactos da pandemia na indústria da aviação brasileira e avaliar as perspectivas de retomada.

Participaram do debate John Rodgerson, CEO da Azul Linhas Aéreas, Juliano Alcântara Noman, diretor-presidente da ANAC, Ronei Glanzmann, Secretário Nacional de Aviação Civil (SAC) e Brigadeiro do Ar Ary Rodrigues Bertolino, Chefe do Subdepartamento de Operações do DECEA (Departamento de Controle do Espaço Aéreo). A organização ficou a cargo da Necta, de Paula Faria, com apoio de Ricardo Fenelon, do Fenelon Advogados, e Filipe Reis, diretor de aeroportos – Américas da IATA. Mais de 500 pessoas acompanharam e interagiram no debate, que durou duas horas.

Em pauta, temas como a continuidade das privatizações e o uso do FNAC – fundo nacional de aviação civil – para dar garantia de empréstimos do BNDES, para pequenas empresas do setor aéreo, incluindo as Esatas. Um dos destaques foi o anúncio feito pelo Brigadeiro Bertolino a respeito da NavBrasil que passa para o Comando da Aeronáutica e vai administrar torres de controle em vários aeroportos brasileiros.

A retomada, no entanto, dominou os debates, o que mostra que a indústria está preparada para dar a volta por cima e atravessar esta crise, saindo ainda mais fortalecida.

Adicionar a favoritos link permanente.

Comentários fechados.