Veja os 10 aeroportos contemplados nas categorias do prêmio de infraestrutura do MInfra

O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura (MInfra), premiou um total de 22 concessionários comprometidos com as boas práticas de gestão ambiental por meio de projetos de infraestrutura de transporte nos empreendimentos.

O Prêmio Via Viva 2022 aconteceu na noite da última terça-feira, dia 22 de novembro, durante a sexta edição do Via Viva – Seminário Socioambiental em Infraestrutura de Transporte.

Os premiados foram os mais bem avaliados dos modais ferroviário, rodoviário, aeroportuário e portuário conforme o Índice de Desempenho Ambiental (IDA), realizado pelas agências reguladoras de infraestrutura de transportes.

O indicador tem o objetivo de verificar a evolução qualitativa e o comprometimento socioambiental do setor, devendo servir de parâmetro para avaliar eficiência e a qualidade da gestão ambiental nos empreendimentos.

Conforme o ministro da Infraestrutura substituto, Bruno Eustáquio, o protagonismo das empresas na agenda sustentável se dá pelo próprio resultado da premiação. O ministro em exercício lembrou ainda que a agenda é meta da pasta.

“O MInfra segue compromissado não só com a sociedade brasileira, mas também com as empresas que performam dentro do espectro do planejamento estratégico na agenda de sustentabilidade”, afirmou.

Foram premiados os três primeiros colocados (quando aplicável) em cada categoria. Na ocasião, também foi lançado o livro Via Viva 2022, com artigos técnico-científicos submetidos, avaliados e aprovados por um comitê de professores, pesquisadores e profissionais altamente qualificados.

Via Viva 2022

Este ano, o tema do seminário buscou considerar os aspectos operacionais da sustentabilidade na formatação de projetos. Na Rota ESG: Oportunidades para o Setor de Infraestrutura de Transportes debateu com especialistas nacionais e internacionais os avanços e da incorporação da agenda socioambiental no setor.

Para Larissa Amorim, subsecretária de sustentabilidade do MInfra, é preciso tornar a agenda ESG uma pauta primordial na cultura empresarial.

“Uma gestão adequada que priorize a adoção dos fatores ESG, além de trazer melhorias na execução das políticas, proporcionar maior visibilidade internacional às ações do Minfra, irá potencializar a qualidade e o valor dos ativos da infraestrutura de transportes”, disse.

O seminário seguiu até a quarta-feira (23), com três mesas redondas com participação de autoridades e especialistas, brasileiros e internacionais, que abordaram os seguintes temas: governança verde e infraestrutura de transportes; conjuntura ESG na infraestrutura de transportes; e perspectivas e estratégias para fortalecimento ESG.

Todas as mesas foram transmitidas pelo canal do Youtube do MInfra.

Confira os aeroportos ganhadores do prêmio:

Aeroportuário categoria C-I
(menos de 200 mil passageiros por ano)

– Primeiro Colocado: Aeroporto Campo de Marte – São Paulo

– Segundo Colocado: Aeroporto de Macaé – Rio de Janeiro

– Terceiro Colocado: Aeroporto Estadual de Campo dos Amarais – Campinas (SP)

Aeroportuário categoria C-II
(movimento anual entre 200 mil e 1 milhão de passageiros)

– Primeiro Colocado: Aeroporto de Montes Claros (MG)

Não houve outros premiados nessa categoria.

Aeroportuário categoria C-III
(número anual de passageiros entre 1 milhão e 5 milhões)

– Primeiro Colocado: Aeroporto Internacional de Belém

– Segundo Colocado: Aeroporto Internacional de Florianópolis

– Terceiro Colocado: Aeroporto de Vitória

Aeroportuário categoria C-IV
(número anual de passageiros acima de 5 milhões)

– Primeiro Colocado: Aeroporto Internacional de Salvador

– Segundo Colocado: Aeroporto Internacional de Confins (MG)

– Terceiro Colocado: Aeroporto Internacional de Brasília

Aeroportos da Infraero

A empresa estatal Infraero comemora que os aeroportos de Belém (PA), Montes Claros (MG) e Campo de Marte (SP), por ela administrados, conquistaram a primeira posição em suas categorias na Edição 2022 do Prêmio Via Viva 2022, do Ministério da Infraestrutura.

O presidente da Infraero, Brigadeiro Paes de Barros, parabenizou o Ministério da Infraestrutura pela iniciativa.

“O Prêmio demonstra a importância de os aeroportos estarem atentos à sustentabilidade. Ver que a Infraero, como uma grande gestora de aeroportos no País, deu passos no caminho da sustentabilidade de seus aeroportos traz satisfação e garantia de que continuaremos trabalhando firme para novas conquistas,” destaca o presidente. 

O diretor de Operações e Serviços Técnicos da Infraero, Brigadeiro André Luiz Fonseca e Silva, ressaltou que o reconhecimento demonstra o compromisso e o engajamento da Companhia com as boas práticas ambientais aplicadas à aviação civil.

“A Infraero está cada vez mais comprometida com a sustentabilidade ambiental. As premiações alcançadas são também resultado da dedicação e empenho de nossas equipes”, afirma o diretor.

Os três prêmios foram entregues pelo ministro da Infraestrutura substituto, Bruno Eustáquio, e pelo secretário Nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann, ao superintendente de Meio Ambiente da Infraero, Fued Abrão Junior.

Fonte https://aeroin.net/veja-os-10-aeroportos-contemplados-nas-categorias-do-premio-de-infraestrutura-do-minfra/

Adicionar a favoritos link permanente.

Comentários fechados.